Restaurar é, na minha opinião,fazer com que uma peça qualquer ,seja um móvel, uma antiguidade ,ou um objeto de decoração readquira sua aparência original .Porém esta "aparência original" não significa que a peça em questão vá ficar com aspecto de nova,mas de inteira e bem conservada.As marcas que o tempo e o uso deixaram na peça devem ser preservadas para mostrar exatamente sua história dentro do contexto em que foi usada.
Mudar detalhes estéticos, deixa de ser restauração e tira a identidade da peça .

.

Se você precisar de informações ou dicas sobre o assunto ,envie um e-mail ,para que eu possa te orientar. As perguntas feitas na seção"comentários" às vezes se perdem na hora da resposta.

domingo, 13 de dezembro de 2009

Serviços prestados


Meus leitores ,amigos e clientes .
Faz tempo que não posto nada neste blog ,e não é por falta de atenção por vocês ,mas porque tenho tido pouco tempo para sentar diante do computador .
A vida está dificil e fico muito tempo correndo atrás de serviço ,fazendo orçamentos,negociando preços,e, quando pego um serviço ,às vezes o cliente tem pressa e acabo esquecendo de fotografar o objeto que estou restaurando.
Ontem no supermercado encontrei um cliente para o qual restaurei um lustre antiquíssimo ,e o mesmo me perguntou que mais eu fazia pois possui diversos objetos necessitando de restauro.
Vou fazer uma lista do que faço normalmente.
Aquilo que digo que faço ,procuro fazer da melhor maneira possível ,mas daquilo que não entendo eu nem me aproximo ,pois se tentar fazer algo sem conhecimento possivelmente não conseguirei o resultado desejado .
Bem vamos à lista dos serviços que presto :


1- Restauração de móveis em geral ,tais como : mesas de jantar ,mesas de centro ,mesas laterais ,cadeiras de todos os tipos ,inclusive de balanço,armarios ,oratórios escrivaninhas ,cristaleiras ,arcas ,baús ,bancos, banquetas ,cõmodas etc .

2- Pinturas : Pátina ,satinê,ebanização (escurecimento da madeira com betume), envelhecimento,envernizamento ,pintura simples,mudança de côr ,etc.Obs : Pinto também móveis de ferro .

3- Restauração de objetos de decoração como : lustres ,relógios Cuco,abajures ,estatuetas,estatuas sacras ,vasos ,molduras de quadros e espelhos ,caixinhas de madeira,etc.

4- Restauração de pianos,violões,violinos e outros instrumentos musicais .(somente a caixa de madeira ).

5-Restauração de antiguidades em geral ,não dá para especificar pois aparecem os objetos mais inusitados para restauração ,desde cachimbos e bicicletas ,até armas antigas


Se vocês precisarem de algo que não consta desta listagem ,por favor ,me liguem ou passem um e-mail ,que prontamente atenderei .

domingo, 11 de outubro de 2009

Restauração de cadeiras


Vou dar a vocês algumas dicas de como eu faço para restaurar cadeiras .

Primeiro passo :Verifique pela aparência se a cadeira realmente pode ser restaurada.

Segundo passo : Desmonte a cadeira toda ,se possível com um martelo de borracha para não machucar a madeira.Se for necessário use também uma chave de fenda grande mas cuja ponta esteja um pouco gasta pois se ela escapar pode machucar você ou a madeira.

Terceiro passo ; Lixe todas as partes desmontadas com uma lixa número 60 para desbaste .Lixe depois com uma lixa número 180 ,para deixar a madeira bem lisa.
Obs : As partes que se encaixam e que vão receber cola também devem ser lixadas para a remoção da cola velha .

Quarto passo : Se houver orifícios na madeira tampe com massa F 12 que é específica para este fim .Após tampar o furo você deve raspar um pouco para tirar o excesso ,e após a secagem da massa passe a lixa 180 no local.Esta massa é vendida em diversos tons de madeira .

Quinto passo:Ponha cola de madeira nos buracos de encaixe ,o suficiente para envolver a parte que vai ser encaixada.Se sobrar limpe com um pano úmido.Encaixe e bata com o martelo de borracha para que as partes fiquem bem juntas .Se a cola escorrer,passe uma faca no local depois de secar, que a parte escorrida se soltará.

Sexto passo :Como você já lixou tudo ,limpe bem com um pano úmido ,e depois com um outro pano sêco.Agora é só pintar ,ou envernizar.

Sétimo passo : Pinte com um pincel ou rolinho com pouca tinta para que a mesma não escorra .Com verniz deve-se tomar o mesmo cuidado .Não esqueça de pintar a parte debaixo da cadeira .Vire a cadeira ao contrário e pinte primeiro o lado debaixo ,para que não escorra nenhum pingo na parte que todos veem .
Deixe secar cada demão de tinta ou verniz no mínimo por seis horas (se o dia estiver quente ),no inverno ,o ideal é deixar secar por vinte e quatro horas .
Faça esta parte com calma e preencha todo o espaço para que não fiquem falhas .

Está pronto,agora é só usar .pode parecer dificil quando se começa ,mas aos poucos vamos percebendo como manusear o pincel e o trabalho ficará pronto rapidamente.


Observações :Se você quiser deixar a madeira com aparência de crua (sem verniz ), use verniz fosco ,que protegerá a madeira e nao dará nenhum brilho.
Você poderá também pintar ou envernizar com pistola e compressor caso possua este equipamento.

Caso alguma coisa não de certo passe um e-mail para mim que tentarei resolver o problema .

Cadeiras velhas






Estas cadeiras foram encontradas por mim,numa rua próxima de meu atelier .
Dei uma olhada e percebi que apesar do estado em que se encontravam era possível restaura-las e dar uma nova utilidade às mesmas.
As cadeiras foram desmontadas ,lixadas e pintadas de preto fosco, com um detalhe em dourado.
Feito o serviço dei as cadeiras para um amigo que tem uma cantina italiana no bairro de Tucuruvi em São Paulo.Este restaurante ,o "Macarrão da Mama" tem uma decoração muito alegre e bonita,e em cada mesa um tipo diferente de cadeiras .E agora ,as cadeiras que alguém jogou na rua,servem aos clientes desta cantina .

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Mais pincéis



Já postei alguma coisa sobre pincéis e disse como penso que devem ser, e como utiliza-los.
Vou então mostrar alguns dos meus pincéis para que vocês possam ver os cortes feitos nos pelos como eu disse anteriormente.Naturalmente estes pincéis não são bonitinhos de se ver porque estão usados e com manchas etc.Mas dá para ter uma idéia de como fazer para torna-los mais fáceis de trabalhar .

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Relógio Cuco

Este é o relógio cuco de um grande amigo ,que não foi restaurado porque estava em perfeitas condições mas com péssima aparência ,pois tem aproximadamente uns sessenta anos .A pintura da caixa estava estragada ,e a pintura do mostrador corroida pela ação do ar marítimo ,pois o relógio ficou durantes muitos anos num apartamento  em Guarujá ,cidade litorânea proxima de São Paulo.Foi feito o lixamento total da peça  e do mostrador.Na caixa foi aplicada uma massa à base de ouro para dar um brilho especial ,e passadas duas demãos de verniz brilhante. A píntura do mostrador,extremanente delicada e trabalhosa foi refeita  no mesmo tom da original.A peça criou vida nova ,e o mais importante é que o proprietário e sua esposa gostaram muito do resultado.

Limpeza de pincéis

Na postagem anterior sobre pincéis ,me esqueci de citar um dos artifícios que uso para mante-los limpos e macios.Existe um produto no mercado chamado "Striptizi" ,exatamente do jeito que está escrito.Este produto se destina a remover tintas vernizes e graxa de móveis ou outros objetos ,e recebe o nome porque retira camada por camada de pintura .Para quem já conhece um produto tradicional chamado Pintoff ,pode-se dizer que o Striptizi é seu irmão mais forte .E bota forte nisso .O produto vem em forma de gel ,é altamente ácido devendo ser manuseado com luvas e óculos,mas se dilui facilmente com água .Se pingar um pouco na pele deve-se imediatamente lavar a região porque senão for retirado o produto penetra profundamente na pele.Bem já fiz o comercial ,então vamos falar de pincéis .
Como este produto é bem forte ,retira todo e qualquer resíduo de tinta ou verniz que esteja entre os fios de qualquer pincel.Se você por acaso esquecer o pincel com restos de tinta,e esta secar ,enfie o pincel na lata de Striptizi,deixe o gel envolve-lo e espere uns dois minutos .A seguir lave no tanque com água abundante até ver que a água sai limpa .Pronto ,seu pincel está limpo ,agora é so secar e usar novamente .Se tiver alguma dúvida ,faça um comentário nesta postagem ,ou envie um e-mail no endereço localizado no blog.Por hoje é só.Um abraço,e obrigado por sua atenção.

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Mais fotos do lustre

Candelabro antigo






Vou fazer mais uma vez a famosa apresentação do antes e depois .
Este candelabro ,ou lustre deve ter uns 60 anos mais ou menos ,e,não foi limpo nos últimos 40 pelo que me pareceu quando o vi.Uma cliente o recebeu de presente ,e pediu-me para limpa-lo ,para que voltasse à aparência original.Porém quando comecei a limpar e lixar ,descobri que era banhado em prata ,e que parte do prateado havia saído.Ficou muito feio ,pois apareciam manchas de bronze ao lado de manchas de prata.Resolvi então com a autorização da proprietária ,pinta-lo com uma tinta dourada e ficou bem melhor.Vejam as fotos do antes e depois :

domingo, 16 de agosto de 2009

Pincéis


Muitos clientes que se interessam por restaurar ou pintar móveis e objetos em geral me perguntam sobre os tipos de pincéis que uso.Querem saber marcas ,melhores modelos etc.
Pincéis saõ ferramentas ,e como ferramentas existe um tipo para cada função .Isto teoricamente ,porque com alguns pincéis de medidas diversas você pode fazer qualquer serviço desde que tenha um pouco de prática e paciência.O uso dos pincéis exige que você saiba inicialmente o que quer e o que vai fazer.Detalhe : não é necessário comprar caríssimos pincéis importados ,porque os nacionáis são de ótima qualidade para pintar objetos .Pincéis importados são bons para acabamentos delicados principalmente por não soltarem pelos com facilidade.
O ideal é que se tenha muitos pincéis e com vários níveis de usos .Os novos são chatos para trabalhar porque seus pelos ainda estão muito certinhos ,não permitindo o controle total do processo de pintura .Os bem velhos são excelentes para limpar cantinhos e saliências e para locais onde deve-se colocar pouca tinta .
Como trabalho somente com isso ,tenho aproximadamente uns trinta e cinco ou quarenta ,de várias medidas e de todos os fabricantes nacionais.Cada fábrica usa em seus produtos diferentes tipos de pelo ,o que facilita o trabalho pois encontramos um pincel para cada função ou material.
Para mim é importante ter pincéis para cada tipo de pintura ,uns só para verniz ,outros só para latex ,outros para esmalte sintético e outros para neutrol e produtos semelhantes .Se usarmos um mesmo pincel com diferentes produtos químicos ou diferentes tintas ,ele se acabará bem rápido.
Você deve comprar pincéis de pelos duros e também macios ,e deve experimenta-los num mesmo trabalho para sentir como cada um faz sua função ,aprendendo assim o uso adequado deles .Os tamanhos e larguras vão depender das áreas a serem trabalhadas.
Por exemplo : para pintar uma mesa ,será necessário um pincel de 63mm,mas para as cadeiras um de 19 mm já resolve.
Existem pincéis bem "cheinhos " e também os mais chatos que tem bastante largura e pouca altura nos pelos .Eu prefiro os "chatos' ,porque me facilitam qualquer serviço ,e retem pouca tinta ,sendo inclusive mais fáceis de limpar.Porém às vezes é necessário um tipo de pincel bem redondo,mas você só vai saber quando usa-lo no momento em que sentir necessidade dele.
É muito difícil falar de pincéis sem mostra-los em funcionamento ,mas acredito que a partir do instante em que começamos a executar um serviço ,fica mais fácil percebermos o que necessitamos de um pincel.
Limpeza: os pincéis usados em latéx devem ser lavados com água e postos para secar pendurados para que a água escorra e não crie depositos de resíduos de tinta na base dos pelos.
Aliás ,todos os pincéis devem secar pendurados ,para isso a maioria tem um furo na ponta do cabo.
Os pincéis usados em verniz e esmalte sintético serão limpos com aguarrás ,e os usados com seladoras tem obrigatoriamente de ser limpos com thiner 4137 indicado para produtos à base de nitrocelulose.
Corte : quando você perceber que o pincel está muito mole ,ou espalhando tinta onde não deve ,corte os pelos com uma tesoura e terá um pincel mais firme ,como se fosse um mais usado.
Creio que isto já dá uma idéia sobre uso de pincéis ,mas se me lembrar de mais alguma informação,voltarei ao assunto
Por agora é só ...

domingo, 12 de julho de 2009

Trabalhos executados



Aqui estão alguns exemplos de restaurações feitas em móveis bastante estragados pelo tempo e pelo uso.A cadeira era de cerejeira natural,e recebeu pátina em tons de verde.O abajur tem aproximadamente cem anos e recebeu além de restauraçao completa ,uma pintura igual à original.

Mesa de canto com acabamento em seladora


Esta mesa estava com o tampo e as laterais totalmente riscados e com buracos feitos por ferramenta ou faca .Foi totalmente lixada e os buracos tampados com massa F12 tingida na cor da madeira .O acabamento foi feito com tres demãos de seladora .

sexta-feira, 10 de julho de 2009

restauração e conserto

Quando temos um móvel ou objeto antigo,quebrado ,feio,desarranjado ,desbotado ,em nossa casa , a tendência é que seja jogado fora ou consertado.Isso se aplica a vários tipos de coisas que possuimos.
Mas ,quando temos objetos que gostamos,que achamos bonitos ,ou que nos contam histórias ,devemos restaura-los para que fiquem como eram quando gostávamos mais dêles.
O conserto só devolve a funcionalidade ao móvel ou objeto,mas o restauro o traz "de volta à vida " para que possa novamente ser usado e apreciado.Para que se possa restaura-lo,é necessário tempo ,paciência ,ferramentas ,e ,uma certa dose de habilidade,sem a qual nada se pode fazer.
O meu objetivo neste blog é, alem de divulgar o meu trabalho de restaurador ,tentar passar um pouco da minha experiência nesta área e,algumas "manhas " aprendidas ao longo dos anos
Tentarei dar dicas úteis que possam eventualmente ajudar os leitores em algum trabalho doméstico que pode parecer difícil ,mas que com uma ajudinha se torna mais fácil .
Espero que vocês possam interagir comigo ,me questionando ,e ,também me dando informações sobre soluções encontradas .Afinal,não sou nenhum mestre no assunto ,e tenho muito a aprender sobre restaurações.
Peço que tenham paciência e boa vontade ,pois sem isso não se faz restaurações ,E, que tenham paciência comigo também ,pois sou um cara cheio de defeitos e busco melhorar a cada dia .
Tentarei escrever sobre vários assuntos e da melhor forma que puder para que possamos aprender juntos .
Vamos ver o que dá .