Restaurar é, na minha opinião,fazer com que uma peça qualquer ,seja um móvel, uma antiguidade ,ou um objeto de decoração readquira sua aparência original .Porém esta "aparência original" não significa que a peça em questão vá ficar com aspecto de nova,mas de inteira e bem conservada.As marcas que o tempo e o uso deixaram na peça devem ser preservadas para mostrar exatamente sua história dentro do contexto em que foi usada.
Mudar detalhes estéticos, deixa de ser restauração e tira a identidade da peça .

.

Se você precisar de informações ou dicas sobre o assunto ,envie um e-mail ,para que eu possa te orientar. As perguntas feitas na seção"comentários" às vezes se perdem na hora da resposta.

domingo, 20 de maio de 2012

Tendencias agradáveis



Já a algum tempo tenho feito ebanização em móveis .É uma tendencia estética que cresceu muito nos últimos anos.Algumas vezes fica bom,outras vezes sou obrigado a deixar o móvel totalmente preto ,pois a madeira não permite fazer a ebanização. Madeiras "nobres" tem fibras mais fechadas e o tingidor não consegue penetrar no seu interior impedindo que se consiga o efeito de ébano.Porém o carvalho americano e o pinho ,por exemplo, permitem que se faça ebanização e o resultado é muito bom
Recentemente pintei portas de entrada de dois apartamentos que incialmente eram para ser ebanizadas e acabaram ficando totalmente pretas .
Pintei-as de preto semi-fosco ,pois os respectivos proprietários as queriam totalmente foscas .O problema é que as tintas foscas não protegem a madeira como as acetinadas e brilhantes .Para contornar este problema costumo misturar tinta fosca com acetinada ,conseguindo um efeito de semi-brilho que agrada à vista .
Pode parecer estranho uma porta preta para quem nunca viu uma ,mas garanto que fica bonita ,desde que o local onde a porta esteja seja amplo pára que se tenha uma melhor visualização da mesma .
Veja na foto acima como a porta preta valoriza o ambiente .
É necessario ousar um pouco para se obter efeitos estéticos interessantes .

domingo, 13 de maio de 2012

Restauração da caixa de um Cuco

Este antigo Cuco alemão foi comprado pelo avô de seu atual proprietário no começo da década de vinte ,no século passado .Uma informação não confirmada diz que foi comprado já usado ,o que pode significar que o relógio tenha quase cem anos ou talvez mais que isso .
Seu dono o obteve através de uma tia e se dispôs a devolver-lhe a integridade original ,e por isso contatou-me .
Chegou às minhas mãos desmontado e cheio de buracos de cupim depois de muitas décadas de bons serviços prestados à mesma família .



Este cervo, que fica no alto do frontão teve sua base bastante danificada .


Esta é a outra parte do frontão onde se apoia a figura do cervo .Notem os furos do cupim ,e o buraco feito pelos mesmos


Aqui vemos a base do cervo já preenchida com massa F12.Um dos pássaros tambem teve seu interior preenchido além de partes das laterais e da casinha do Cuco .


A parte inferior com os pássaros restaurados e já envernizados com verniz ecológico Aquaris ,da Sayerlack.


O mostrador estava bem estragado com alguns números quase ilegíveis .Restaurei os números mas não completamente para que não parecessem novos .O flash da máquina atrapalha um pouco a visualização pois ficou com excesso de brilho.


E aqui está a caixa pronta e envernizada .A máquina foi restaurada por um especialista em relógios antigos que tem oficina no subsolo do Shopping Eldorado em São Paulo .Eu não entendo desta parte e meu cliente a levou para o tecnico acima citado .

O melhor de tudo é que meu cliente gostou muito do trabalho ,conforme me disse ao ver a peça pronta.