Restaurar é, na minha opinião,fazer com que uma peça qualquer ,seja um móvel, uma antiguidade ,ou um objeto de decoração readquira sua aparência original .Porém esta "aparência original" não significa que a peça em questão vá ficar com aspecto de nova,mas de inteira e bem conservada.As marcas que o tempo e o uso deixaram na peça devem ser preservadas para mostrar exatamente sua história dentro do contexto em que foi usada.
Mudar detalhes estéticos, deixa de ser restauração e tira a identidade da peça .

.

Se você precisar de informações ou dicas sobre o assunto ,envie um e-mail ,para que eu possa te orientar. As perguntas feitas na seção"comentários" às vezes se perdem na hora da resposta.

domingo, 21 de julho de 2013

Armário com duas cores


Este móvel esteve por quarenta anos sem modificações , e agora sua proprietária resolveu dar uma "cara nova" para o mesmo .
Essas fotos foram feitas depois da peça lixada .é uma bela peça de imbuia ,mas estava bem mais escura que o tom natural da madeira .
Optamos por uma pintura em duas cores ,deixando a peça mais alegre ,mas preservando uma parte da madeira original .
O resultado foi bom , minha cliente gostou e eu também gostei muito
A pintura foi feita com um a mistura de latex Sulvicor azul com um pouco de tingidor Sulvinil preto .O acabamento foi feito com verniz a base d'agua Aquaris da Sayerlack.
As gavetas ,bem como a parte interna da peça também foram pintadas neste tom de azul.Os puxadores foram limpos com Cromex da Byo Cleaner e foi aplicada uma demão de verniz automotivo para impedir que as peças oxidem .

domingo, 14 de julho de 2013

Buffet branco

Este pequeno buffet tem uma longa história para contar, em quase cem anos de existência dentro da mesma família.Está na quarta geração ,e agora sua atual proprietária resolveu pinta-lo de branco,para coloca-lo em seu novo apartamento.
A foto abaixo foi enviada pela cliente ,e a outra foi feita por mim antes de entregá-lo .
Ás vezes fico tão concentrado no trabalho ,que esqueço de fotografar as etapas do processo ,como ocorreu neste caso.

O que fiz foi realmente pinta-lo ,não é laqueação,pois não faço esse tipo de trabalho.Utilizei esmalte sintetico Coralit Branco Super Brilho.Foram aplicadas quatro demãos de tinta utilizando pistola ,para dar um acabamento mais liso.
As dobradiças estavam bem escuras e foram limpas e depois pintadas de ouro velho ,utilizando uma mistura de tinta Ouro da Coralit com uma pitada de preto brilhante.

quinta-feira, 4 de julho de 2013

Quebra cabeças com vidro.

Este foi um trabalho simples mas extremamente difícil .Este abajur fez uma viagem de Goiania até São Paulo mas sofreu pelo caminho e acabou quebrando a parte de baixo do bojo de vidro.Minha cliente trouxe os cacos numa caixinha,para que eu pudesse colar e remontar a peça .Tirei algumas fotos com o celular, mas perdi o cabo USB do mesmo, e então não dá para mostrar todas as fotos e as dezenas de caquinhos.
A foto abaixo mostra o bojo quase montado ,faltando apenas alguns pequenos pedaços



Aqui ele já está montado e polido .Limpei todo o metal com Cromex ,da Bio Cleaner que deixou as peças com o brilho natural ,e apliquei verniz automotivo rápido Lazzudur ,da Sherwin Williams ,à base de poliéster.Este verniz, além de secar rápido,e não necessitar de catalisador ,protege muito bem os metais contra a oxidação.

A parte elétrica,( fios,plug,soquete ,pera,etc) foi toda trocada ,mas mantendo o mesmo estilo original da peça .

Nesta foto que está meio desfocada ,dá para ver umas pequenas manchas na parte de baixo ,a que foi restaurada.Ocorreu que alguns cacos do vidro não se encaixaram de forma alguma ,e foi necessário preencher dois espaços com massa epóxi.Como ficou para baixo , quem vê o abajur normalmente olhando por cima ,ou de frente ,não percebe esse recurso .
O importante é que a peça ficou completa e minha cliente adorou.