Restaurar é, na minha opinião,fazer com que uma peça qualquer ,seja um móvel, uma antiguidade ,ou um objeto de decoração readquira sua aparência original .Porém esta "aparência original" não significa que a peça em questão vá ficar com aspecto de nova,mas de inteira e bem conservada.As marcas que o tempo e o uso deixaram na peça devem ser preservadas para mostrar exatamente sua história dentro do contexto em que foi usada.
Mudar detalhes estéticos, deixa de ser restauração e tira a identidade da peça .

.

Se você precisar de informações ou dicas sobre o assunto ,envie um e-mail ,para que eu possa te orientar. As perguntas feitas na seção"comentários" às vezes se perdem na hora da resposta.

domingo, 27 de outubro de 2013

Mesinha amarela


Esta é uma mesinha de canto simples ,porém muito interessante .Feita possivelmente na Indonésia com uma madeira boa e bonita.É novíssima ,mas seu proprietário solicitou que a pintasse de amarelo ,e assim foi feito.

Depois de lixada para retirar o verniz original , foram aplicadas cinco demãos de tinta ,para cobrir bem a madeira escura .Essa cor chama-se Gemada ,e olhando-se de perto ,assemelha-se muito com o tom amarelo do ovo batido.

Castiçais de bronze .


Estes castiçais em bronze, são antigos .Segundo o cliente, devem ter entre sessenta e setenta anos .
Estavam bastante oxidados devido à ação do tempo .

Neste ,um dos anéis do acabamento se soltou ,talvez devido a uma queda ou outro tipo de impacto.

Nesta foto vê-se o anel faltante e a base,totalmente escura e fosca.

Depois de soldado o anel,a peça ficou completa .

Os castiçais foram limpos com um produto específico,lixados,polidos ,e a seguir foram aplicadas duas demãos de verniz automotivo para proteger e impedir a oxidação .

Ficaram muito bonitos e poderão ser úteis por mais algumas décadas.

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Uma Singer diferente


Esta antiga máquina Singer é diferente das que tenho restaurado .Feita na Europa ,no comecinho do século 20 ,ela apresenta um gabinete semelhante ao da Pfaff,máquina produzida na Alemanha .
A Singer tradicional tem uma tampa que levanta e abaixa para que funcione e depois seja guardada .

A tampa desta pode ser retirada e colocada no lado esquerdo da peça , para aumentar a "mesa" da máquina .

Esta peça de madeira suporta e equilibra a tampa que tem também uma espécie de gancho ( duas peças ) para firmá-la na mesa .

Pronta, pintada e envernizada ela ficou assim.

A mesa estendida com a tampa facilita o trabalho da costureira .

A tampa pode ser baixada movimentando-se a peça de madeira mostrada acima .Pode-se ver na foto o encaixe dos dois ganchos .

Fechada ela fica assim .

sábado, 12 de outubro de 2013