Restaurar é, na minha opinião,fazer com que uma peça qualquer ,seja um móvel, uma antiguidade ,ou um objeto de decoração readquira sua aparência original .Porém esta "aparência original" não significa que a peça em questão vá ficar com aspecto de nova,mas de inteira e bem conservada.As marcas que o tempo e o uso deixaram na peça devem ser preservadas para mostrar exatamente sua história dentro do contexto em que foi usada.
Mudar detalhes estéticos, deixa de ser restauração e tira a identidade da peça .

.

Se você precisar de informações ou dicas sobre o assunto ,envie um e-mail ,para que eu possa te orientar. As perguntas feitas na seção"comentários" às vezes se perdem na hora da resposta.

segunda-feira, 26 de maio de 2014

Antiga balança de farmacêutico .


Estas peças formam uma balança de farmacêutico, conforme mostram as fotos abaixo.Chegou assim ,toda desmontada.

Era do pai de minha cliente ,que dedicou sua vida às poções e remédios , e usou muito esta peça ,cuja marca está mostrada nesta placa

Tanto o corpo como os pratos estavam muito oxidados pelo tempo e pelo uso .E a madeira estava suja e sem brilho.

A caixa de pesos estava igualmente desgastada pelo tempo . Os pesos escurecidos pela oxidação . Infelizmente ao longo dos anos um dos pesos foi perdido .

Embora tenha sido meticulosamente limpos ,os pratos ficaram com manchas devido a algum produto químico que contaminou o cobre ,formando uma crosta resistente e impossível de retirar .Se usasse acido sulfúrico talvez as manchas saíssem ,mas havia o risco de furar os pratos ,então considerei melhor deixá-los como estavam.

A caixa de pesos depois de limpa e lixada ficou bem melhor, e os pesos também tiveram seu aspecto melhorado depois da limpeza, mas alguns ficaram com pequenas manchas ,como os pratos

Enfim a balança mudou bastante ,e minha cliente gostou do trabalho, o que para mim é muito importante .

7 comentários:

  1. Olá Dom,
    muita história para contar. Trabalho muito bem finalizado.
    A decisão em manter as manchas foi corretíssima; Elas fazem parte da história.
    Parabéns,
    Osvaldo Ururahy

    ResponderExcluir
  2. Olá Dom,
    quanto ao seu comentário em relação à seladora eu já havia lido algo sobre isso: "não usar seladora ao utilizar o verniz".
    A madeira estava muito ressecada. Portanto, tive receio de aplicar o verniz e alguns pontos apresentarem uma absorção maior que outros. Pensei em usar o verniz naval. Você acha que essa mudança irá minimizar o efeito ou tem outra sugestão?
    Agradeço o alerta, pois os bancos ficaram muito bonitos e seria desagradável errar no acabamento.
    Abraços.
    Osvaldo Ururahy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Osvaldo.
      Essa absorção maior em algumas partes é normal ,mas se aplicar umas três demãos a madeira se "fartará " de verniz e ficará homogênea ,não apresentando manchas .Cuidado com o verniz. As lojas de tintas não vendem verniz naval ,mas um chamado "Marítimo",que de marítimo não tem nada,é apenas técnica de marketing. Caso apareçam manchas,provavelmente será devido a pedaços resinoso da madeira . Para isso existe um produto da Montana Química chamado ISOLARE ,que "cobre" as áreas resinosas ,permitindo aplicação normal do verniz ,sem manchas .

      Excluir
    2. Olá Dom,
      mais uma vez lhe agradeço a cortesia em responder-me. Contudo, restou ainda uma dúvida: Você acha que devo lixar as peças para retirar a seladora, ou pelo menos retirar o excesso e, posteriormente, aplicar o verniz automotivo? Isso daria certo?
      Desde já agradeço e deixo minhas desculpas se estou sendo excessivamente chato (risos).
      Um abraço,
      Osvaldo Ururahy
      Ainda, pelo que entendi em sua resposta é que: Toda vez que for usar o verniz ao invés da seladora aplicar o produto da Montana "Isolare" é isso mesmo o que quis me informar?

      Excluir
    3. Osvaldo tudo bem ?
      Se puder retirar toda a seladora será ótimo,mas se só der para retirar o excesso não tem problema .
      O Isolare só deve ser aplicado em madeiras que tenham áreas resinosas .Sua função é impedir que a resina "suba" à superficie da madeira criando manchas que não permitem a ancoragem da tinta .
      Abraços

      Excluir
  3. Ninguém é obrigado a seguir o meu blog, não compreendo porque o fez, de qualquer maneira desejo-lhe muitas felicidades.
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Antonio . Só tenho um motivo para seguir seu blog : sou batista a quinze anos . Isso basta ?
      Abraços

      Excluir

Obrigado por sua atenção .Espero que tenha gostado do blog .Se você precisar de informações , dicas ou orçamento de trabalho,envie um e-mail para : dom.moleiro@gmail.com , que prontamente te responderei .